Malka Y Negri Advogados

close em uma mão segurando uma caneta azul com ponta dourada, escrevendo sobre um papel em branco

Sobre o blog

O Blog de Malka Y Negri Advogados é um espaço dedicado a notícias, debates, críticas e sugestões.

A velocidade com que as coisas acontecem e se propagam na atualidade estimulam a nossa equipe a compartilhar com vocês informações e opiniões. Junte-se a nós.

21 de Maio, 2014

Impenhorabilidade do imóvel residencial próprio – alcance.

postado por Jacques Malka Y Negri

jacques sitePor força de lei federal promulgada no ano de 1990, é impenhorável “o imóvel residencial próprio do casal, ou da entidade familiar”, que “não responderá por qualquer tipo de dívida civil, comercial, fiscal, previdenciária ou de outra natureza, contraída pelos cônjuges ou pelos pais ou filhos que sejam seus proprietários e nele residam”.

Desde então, muitas questões surgiram. Sendo certo, porém, que esta lei deve ser aplicada tendo em vista os fins sociais a que ela se destina.

 

Ponto interessante que se abriu para debates, diz respeito à possibilidade deste bem, definido legalmente como impenhorável, não ser diretamente ocupado pelo proprietário, que o aluga a terceiros. Neste caso, a proteção da impenhorabilidade se extinguiria?

Não. De acordo com entendimento já consolidado e sumulado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), a proteção se mantém, porém, com uma condição, a saber:

Súmula 486 – É impenhorável o único imóvel residencial do devedor que esteja locado a terceiros, desde que a renda obtida com a locação seja revertida para a subsistência ou a moradia da sua família.

O que significa dizer, dependendo da questão agitada no processo judicial, poderá ser exigida a comprovação de reversão da renda locatícia para subsistência da família ou mesmo emprego em sua moradia.

CONTINUAR LENDO »

© 2017   Malka Y Negri Advogados
Rua Sete de Setembro, 43/10º andar 20050.003 Centro Rio de Janeiro RJ   Tel./Fax: 21 2506.1115   contato@malkaynegriadvogados.com.br